Universidade Federal de Santa Catarina – Centro de Curitibanos

Arquivo para dezembro, 2012

Retrospectiva da Agropecuária Brasileira em 2012

Um ano onde a economia mundial continuou instável, com a União Européia sendo castigada pela crise econômica, com alta taxa de desemprego em alguns países, chegando a 30% na Espanha, no Brasil os reflexos foram menores, as principais mudanças vistas pela população em geral foram a redução do preço dos automóveis, pela isenção do IPI, mas de uma forma geral a taxa de crescimento do país foi menor em relação ao ano anterior, apesar dos diversos estímulos do governo a indústria e ao consumo; A agropecuária foi beneficiada através do incentivo ao desenvolvimento do sistema cooperativista, com a criação de algumas linhas de créditos,  e as tradicioinais fontes de fomento.

Para a pecuária foi um ano a ser esquecido, na avicultura e suinocultura produtores sofreram com as altas nos custos de produção, no primeiro semestre sofreram com a estiagem no país e decréscimo na oferta de grãos, inflacionando o preço principalmente do farelo de soja, passando de R$ 1 mil a tonelada, e a queda dos preços (no caso dos suínos);

Na bovinocultura de corte, onde o país é o maior exportador, houve uma queda nessa taxa, devido ao registro de um caso de vaca louca, e uma perca estimada em U$ 20 milhões, pois 6 países suspenderam as importações de carne bovina brasileira, o que coloca em xeque o sistema de vigilância sanitária brasileiro; Já na bovinocultura de leite um fenômeno atípico ocorreu em Julho, na entressafra do pasto onde o preço geralmente aumenta, teve um decréscimo de 2% devido ao desaquecimento das vendas, enquanto os custos de produção também aumentaram devido ao preço dos concentrados, tendo farelo de soja na composição.

Ruim para uns, mas bom para outros, para os produtores de grãos está será uma safra onde os preços atingem preços excelentes, devido a uma queda gigantesca na produção norte americana, ocasionada por um calor excessivo,  quase 140 milhões de toneladas de milho e de 30 milhões de soja, segundo estimativas da USDA; outros cereais também foram afetados, como trigo, sorgo, cevada, aveia.  Dessa maneira os cereais plantados recentemente no Brasil recentemente antes mesmo de entrarem no mercado já estão com um preço bom garantido, e pela primeira vez nosso país possa tomar a ponteira da produção mundial de grãos.

A economia de muitas regiões tem como alicerce a agricultura, a pecuária, todo ano alguma cadeia produtiva sofre alguma queda, os únicos produtores que não sofrem tanto os impactos da economia, das adversidades climáticas, são os que diversificam suas atividades.

Anúncios

Primeiro campeonato de surfe brasileiro com pranchas ecológicas foi realizado em Garopaba

As pranchas pet podem ser feitas em diversos tamanhos

No litoral sul de Santa Catarina um campeonato de surfe diferente foi inaugurado no último final de semana. O objetivo é o mesmo: pegar onda, mas a prancha é toda feita com material reutilizado.

Yuri Gonçalves é o atual campeão catarinense de surfe e pratica a modalidade desde os dois anos de idade. Agora ele encara um novo desafio: pegar onda usando uma prancha feita de garrafas pet. O surfista campeão aprovou o novo equipamento, ideal para quem está começando.

Este é o primeiro campeonato de surfe com pranchas ecológicas realizado no Brasil. A competição tem categorias e vence quem se divertir mais dentro da água. A prova terá sim vencedores, mas o grande campeão foi anunciado antes mesmo da largada.
Segundo, Carolina Scorsin, organizadora do evento, “o grande campeão é o meio ambiente”.

As pranchas para o campeonato foram todas feitas por Carolina, o namorado Jairo Lumertz e alunos da rede municipal de ensino de Garopaba. No último mês o casal percorreu escolas no Paraná, São Paulo e Rio de Janeiro e em 2013 deve embarcar para o nordeste levando na bagagem uma ideia sustentável.

Como fazer uma prancha ecológica: basta juntar cerca de 42 garrafas de refrigerante de 2 litros lisas, uma tesoura, uma lixa, cola de poliuretano, tubo de PVC e EVA. Além de mais ecológicas as novas pranchas são bem mais baratas. Uma prancha profissional não sai por menos de R$ 2,5 já a de garrafas pet custa menos de R$ 100.

Continue lendo: http://bandsc.com.br/canais/esportes/primeiro_campeonato_de_surfe_brasileiro_com_pranchas_ecologicas_foi_realizado_em_garopaba__.html

 


Entrega de brinquedos no Lar Nova Alvorada

Levar sorrisos a quem leva uma vida díficil sempre é uma dádiva, um ato que não há dinheiro que recompense, fazer o bem sem olhar a quem é uma das sensações que tornam a vida prazerosa, que nos leva a refletir e  valorizar a vida que levamos, um sentimento que poucas palavras não poderão descrever, apenas quem já fez isso pode compreender.

E nesta quinta-feira o grupo PET entregou  os brinquedos arrecadados pela campanha de natal no Lar Nova Alvorada. As 5 crianças que os receberam ficaram muito felizes com a doação, pois os mesmos não tinham brinquedos, um brinquedo para nós pode não significar muito, mas para uma criança que não tinha é praticamente um sonho realizado, um bem que pode alimentar e aflorar a imaginação. O grupo PET agradece a colaboração de todos que ajudaram a fazer um natal mais feliz para essas crianças.

Obs: Não foi postado nenhuma foto deste momento porque uma lei do Ministério Público proibe a publicação de fotos de crianças em lares para adoção e orfanatos, para que a imagem destas seja preservada.

campanha de natal


Aval norte-americano para carne suína abre novas oportunidades a SC

O exigente mercado americano abriu as portas para a entrada da carne suína catarinense, o que representa um importante passo para que outros produtos do agronegócio embarquem de SC para os EUA e ainda pode garantir uma reaproximação com o disputado Japão.

O embaixador americano no Brasil, Thomas Shannon, esteve reunido nesta quarta, na Fiesc, para alinhar um acordo comercial.

O status sanitário do Estado, reconhecido internacionalmente como o único do Brasil livre da aftosa sem vacinação, tornou SC o primeiro Estado do país a exportar carne para os EUA. Os americanos são hoje os maiores produtores e um dos principais exportadores de carne suína no mundo. Por isso, SC não aposta na exportação de grandes volumes.

Continue lendo: http://www.cidasc.sc.gov.br/blog/2012/12/14/aval-norte-americano-para-carne-suina-abre-novas-oportunidades-a-sc/


Inscrições para o Grupo Escoteiro Curitibanos

O Grupo Escoteiro Curitibanos abre inscrições de segunda-feira (17/12) até sexta-feira (21/12) para jovens de 7 a 18 anos. Os interessados deverão se inscrever na NetDonil, na rua Lages, das 09:00 as 12:00 e das 14:00 e das 18:00. Serão abertas inscrições para lobinhos, crianças entre 7 e 10 anos de idade, escoteiros, crianças entre 11 e 14 anos, senior, jovens entre 15 e 17 anos, pioneiros jovens entre 18 e 21 anos de idade, e chefes, adultos com mais de 21 anos de idade. Os menores deverão comparecer acompanhado dos responsáveis com documento de identidade de ambos. Em janeiro de 2013 abrirá as inscrições durante os dias 21 a 31. O início das atividades está previsto para 16 de fevereiro de 2013.

Quase R$ 2 milhões em projetos na UFSC Curitibanos

Na última semana, a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) divulgou um resultado bastante positivo para a região. Isso porque, em menos de dois anos de instalação do campus em Curitibanos, mais de R$ 2 milhões foram captados através de projetos de pesquisas aplicados na região.

Segundo a diretora acadêmica do campus Curitibanos Sonia Corina Hess, esses projetos concorreram com diversos outros, em nível estadual e nacional e foram aprovados pelos órgãos financiadores para serem realizados em Curitibanos. “Não podíamos deixar de divulgar tão boa notícia. Por iniciativa dos nossos docentes, foi conseguido R$ 2.001.345,20, um valor relevante para projetos que beneficiam toda a comunidade”, ressalta.

Segundo Sônia, com a implantação dos projetos, muitos materiais serão adquiridos no comércio curitibanense, alguns projetos envolvem alunos do Ensino Médio local e bolsas para alunos e professores, além dos serviços de manutenção e reparos que devem contratar mão-de-obra curitibanense. “Com esses projetos, será montada uma estrutura de pesquisas, que mais tarde poderá viabilizar a implantação de curso de pós-graduação, além de ampliar o conhecimento sobre a região e as possibilidades de desenvolvimento dela”, frisa Sonia.

 $alttext

Continue lendo:http://www.adjorisc.com.br/jornais/asemana/curitibanos/quase-r-2-milh-es-em-projetos-1.1203202#.UMskXW9Tx3p


Imagem

CINEUFSC

flyer01-copy3-1024x831


A História da Agricultura e a Economia Verde


Santa e Bela Catarina



Preparação para o Vestibular na UFSC

O Curso Pré-Vestibular da UFSC em Curitibanos promoveu sábado dia (08/12), um aulão de reforço e complementação aos estudantes que prestarão o vestibular da UFSC. O evento iniciou às 08:30 hs e seguiu até 16 horas, no auditório da Universidade Federal, no campus Curitibanos. Estudantes da região também participaram do evento que lotou o auditório. Aproximadamente 200 pessoas participaram do aulão.

$alttext

Fonte: http://www.adjorisc.com.br/jornais/asemana/curitibanos/preparac-o-para-o-vestibular-na-ufsc-1.1199867#.UMSG9YNTx3o